Boia

Foto e Grafia: Irka Barrios Desliza barranco abaixo, choca-se com alguns pedregulhos, raízes, galhos secos e rola de encontro ao leito do rio. A menina chora a perda do companheiro de sono e brincadeiras, mas de nada adianta. Porque os rios, tanto quanto as pessoas, buscam o momento de ser foz. O ursinho boia, acompanhando…

Nota para desvio de palavra

Foto e Grafia: Adri Aleixo | O que espero? alguma palavra egressa marulhenta feito grunhido de mar ou vento abrupta palavra entre língua palato dentes palavra de morrer feito espuma em canto de boca. . Foto por Adri Aleixo  

O Sol patenteado

Foto e Grafia: Roberto Menezes Os homens da Saelpa terminaram a instalação beirando as seis da noite. O sol já indo por trás do lajedo. Quase que não dava hoje pra puxar o fio pra casa. Mas a correria deu certo. Já já a luz da Philips vai brilhar aqui pela primeira vez. Casa isolada,…

Três Armas

Foto e Grafia: Marcos Mota | Paulo Simonal de Oliveira Lima não estava preparado para morrer. Não naquela manhã. Ele mirou os ponteiros de seu relógio e se sentiu aliviado por saber que não se atrasaria para a reunião do diretório acadêmico. Embora todos os assentos do ônibus estivessem ocupados, os únicos passageiros estranhos por…

O tão longe para onde venho

Foto e Grafia: Mariana Botelho | a distância entre nós, amor o sangue jorrando avião que parte de nossas cabeças para o planalto central eis aqui o tão longe para onde venho – magra como meu passado – chorar a voz do meu antigo nome . Foto por Mariana Botelho  

Litania para Novembro

Foto e Grafia: Simone Teodoro | Nervura de folha a machadadas aberta Escapa a seiva: Odor de novembro Delicadas mortes Um fenecer de pétala Condena meus dias a saudades insanas: Odor de novembro A chuva penetrando as tumbas Exalando Exalando… A dor escavando os pulsos a navalhadas Rompe a nervura, macula a brancura da banheira…

Homem lê jornal em ônibus à noite para saber das notícias

Foto e Grafia: Nuno Manna | Não era tão tarde, mas quase todos no ônibus já tinham se entregado ao silêncio e à escuridão da viagem noturna. A única luz ali dentro vinha da lâmpada de um passageiro que permanecia na sombra, atrás das páginas iluminadas de um jornal. Caí em um sono leve e…

O Muro

Foto e Grafia: Laércio J. Pereira | O último resistente cedeu. Ergueu também o muro de três metros. A rua agora parece Auschwitz ou Guantánamo, muros altos com cercas elétricas. Apagou a última fresta de vida da minha rua: não mais o jardim de rosas, não mais o pé de romã, não mais a cadeira…

Sacode

Foto: Mariana Botelho | Grafia: Norma Lopes | mantenha escondidos os círculos marrons (dos bicos dos mamilos) a fenda funda (das nádegas) não queremos ofender a honra da família mineira pura que pariu ser livre é mais uma besteira que inventaram para te fazer sofrer seja aceita minha nêga seja a seita fundada por machos…